Os apps que fizeram 2020

2020 foi o ano em que tudo parou. As pessoas ficaram isoladas em suas casas transformando os smartphones em seus melhores amigos e companhia durante meses... O tempo gasto nas redes sociais e em aplicativos de entretenimento aumentou substancialmente.


Entre reuniões online a trends famosas, os apps mais baixados do ano atenderam a quase todas as necessidades dos usuários. De acordo com a consultoria de mercado AppAnnie, consolidando o número de downloads da App Store (iOS) e da Play Store (Android), o mundialmente famoso entre jovens e influencers TikTok liderou a lista dos mais baixados de 2020 e garantiu a interação dos seus usuários mantendo sua posição em primeiro lugar durante os 12 longos meses.


Seguido por aplicativos de comunicação como Facebook e WhatsApp, o que não faltou foram os memes e figurinhas para rir desse ano! Diversos apps de criação de stickers também foram baixados mundialmente.


Zoom e Google Meet marcaram presença nessa lista e, nesse ano, foram o terror dos que preferem manter a câmera e o microfone desligados, né?! Pelo contrário, muitas selfies e reels foram postados no Instagram, app que também segue nesse ranking. Quem ainda não era fã da rede, passou a utilizá-la seja por prazer, seja para divulgação de seu trabalho.


Outras fontes de comunicação menos utilizadas cresceram e conquistaram um espacinho especial no celular de muita gente que, nesse ano, deixou de lado o WhatsApp. Facebook Messenger e Telegram vieram para tomar o lugar do verde queridinho das mensagens e conseguiram ficar entre os mais baixados do ano! Com algumas funcionalidades a mais que o WhatsApp, o Telegram conquistou um grande espaço nas trocas de mensagens principalmente em grupos montados por influencers.


Lembra do Snapchat? O app perdeu bastante a visibilidade desde que o Instagram fez suas atualizações e ficou bastante parecido com o fantasminha; mas sim, esse 2020 trouxe de volta ao uso o filtro de cachorrinho mais famoso do mundo. Possivelmente por conta de filtros ou pela simples vontade de interagir por outros meios, o app foi baixado novamente por muitos usuários que até mesmo o tinham excluído.


O concorrente do TikTok, Likee entrou na luta com sua própria comunidade, sendo possível encontrar vídeos de diversas categorias e lives de influenciadores digitais. Apesar do grande número de acessos do rival número 1, o app está conquistando seu espaço e também entra nessa lista de mais baixados. TikTok que se cuide em 2021!


Todos os aplicativos mais baixados para celular são de interação e relacionamento. Isso não é à toa. Jogos também foram baixados, houve busca pelo entretenimento solo, mas o desespero mesmo era pelo contato com outras pessoas. O ano foi tenso, inseguro, incerto... a imposição da distância física despertou e intensificou a necessidade da conversa, da troca, do compartilhamento.


Com isso, ligações de vídeo por WhatsApp, Facetime e Skype entre amigos e familiares se tornaram mais comuns, incentivando pessoas mais distantes da tecnologia a se aproximarem desses recursos. Interações pelas redes sociais, como em grupos de amigos próximos no Instagram, também se popularizaram.


Sem grandes surpresas, mas com muitas perspectivas para 2021: as mudanças de comportamento do ano passado aceleraram a materialização de tendências inevitáveis, mas que surpreenderam muita gente.


E você? Baixou e fez uso de algum desses aplicativos durante a quarentena? Já usava e aumentou o uso de algum deles?


Com certeza as empresas de app terão que se esforçar muito para bater esses gigantes do entretenimento e funcionalidades. 2021 promete novidades!


4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo